Incansável de viver – A história da garota brasileira que se tornou viajante

Eu, brasileira, sem saber falar qualquer outro idioma que não fosse português fui atrás da realização do conhecimento, conhecer culturas, idiomas, gastronomias, países, pessoas, resumindo a vida que me foi escondida.
Peguei aquele dinheiro emprestado daquele tio rico e corri atrás de vagas em trabalhos a bordo de navios de cruzeiros e foi lá que eu comecei a ver o mundo, aprendi a ser uma escrava por livre e espontânea vontade, com um sorriso no rosto e com dinheiro no bolso.
Vi lugares que jamais passou na minha cabeça que conheceria, países como a Turquia no qual ao visitar a Blue Mosque me fez sentir realizada espiritualmente, ver o amanhecer dos Fiordes da Noruega com neve até os joelhos e com um frio que jamais senti antes, me deu um sentimento de alegria absoluta.

Fonte VagabundoProfissional

999164_4694557375349_460068667_n
Grécia e suas praias paradisíacas me fizeram querer viver no verão para sempre, Itália e sua gastronomia me engordou alguns maravilhosos quilos. Na Irlanda aprendi a fazer amigos com uma velocidade incrível e alguns desses amigos viraram praticamente familiares e sim aprendi a beber de verdade. Caribe (ahhh), o Caribe me tornou uma apaixonada por mergulhos, pois nada como estar entre a beleza real da natureza e os seres vivos mais coloridos e encantadores que existem, e saltar de paraquedas em Ibiza me fez acreditar que podemos voar no paraíso.

538722_2954129665744_1599302809_n
Lembro claramente do meu primeiro voo para o exterior saindo do Brasil indo para China realizar o meu primeiro intercâmbio por 2 anos, pois até então sempre havia viajado somente de navio, fui para rever um grande amor que conheci a bordo do navio de cruzeiros…
Mas havia uma escala de 14hs em Paris. Sim eu veria Paris pela a primeira vez!
Meus olhos lacrimejam quando recordo deste momento, foi um sonho realizado após o enorme sacrifício de decidir viver em um país totalmente diferente culturalmente e em relação ao idioma também, com uma pessoa culturalmente diferente. Felizmente nesta espera de escala eu pude pegar o trem e conhecer a Torre Eiffel e me recordo como se fosse hoje, eu saindo da estação subsolo pelas as escadas rolantes que fica exatamente em frente a Torre, meu coração pulava, minhas mãos estavam congeladas de frio e lágrimas escorriam no meu rosto e a sensação de dever cumprido ilimitado, sim o nome disso é felicidade!

1148398_4862827221990_963621029_n

Vivi por dois anos em Shanghai, conheci a Malásia, Filipinas, Indonésia, Japão, Nova Zelândia, Austrália e até o Tibet eu fui!!!! Pós China, peguei a minha mochila de 19kg e todo o dinheiro que havia guardado e sai pelo o mundo por 4 meses, sem destino, sem planos, sem cartão de crédito.
Somente eu, a minha mochila, o passaporte Brasileiro, aquele dinheiro e a vontade infinita de ver o mundo. Visitei lugares incríveis como Hungria, Bulgária, Ucrânia, Inglaterra, Holanda, França, Polônia, Republica Checa, Alemanha, Eslováquia, e acho que só!! Quem diria que aquela menina, filha de costureira, com 5 irmãos um dia iria conhecer o mundo e realizar o seu maior sonho, sim eu fiz, sim você pode!!

946309_4700974535774_712746079_n
Hoje moro na Irlanda, realizando o meu segundo intercâmbio e já estou aqui a mais de 1 ano, mas planejando finalmente voltar para casa no Brasil. Vivendo na Europa me enriqueceu culturalmente, assim como viver na Ásia também.
Viajar é sensacional, é libertador porque faz você ver o mundo como ele realmente é, e não por uma lente de uma câmera ou pela imagem de uma televisão. Viajar não é você planejar tudo milimetricamente, é você aprender a se superar com as necessidades que vão surgir (porque elas surgem), é você viver um dia de cada vez sem saber o que esperar do amanhã, é você aprender que o diferente não é errado, ele é somente diferente!

540506_2954133425838_1682611164_n

578945_4763778465833_1297359114_n

901557_4228658648172_797473562_o

1069887_4669254102783_507467358_n

1157521_4844138514784_1601994029_n

1186918_4862647697502_1619806493_n

1237951_4819588021037_117986448_n
Texto enviado pela Patrícia Figueiró

Fotos: Reprodução/Patrícia Figueiró

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s